O número de homicídios no Maranhão nos seis primeiros meses deste ano diminuiu 17,6% na comparação com igual período de 2018, segundo números do Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública, Prisionais, de Rastreabilidade de Armas e Munições, de Material Genético, de Digitais e de Drogas (Sinesp) divulgados nesta segunda-feira (14) pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública. No país, a queda foi de 22%.

O resultado já havia sido parcialmente antecipado no domingo (13) pelo presidente Jair Bolsonaro, que usou sua conta no Twitter para comemorar o que classificou como um dos pontos positivos de seu governo. Segundo o presidente, no primeiro semestre deste ano foram registrados, no Brasil, 5.423 assassinatos a menos que no mesmo período de 2018.

Os casos de estupro foram os que tiveram maior índice de aumento, 20,9%, resultado de 558 ocorrências em 2018 contra 20,9%. Já os roubos a banco tiveram no período a maior queda, com 21 casos em 2018 e 10 este ano, mas vale ressaltar que este número já foi elevado para 21, em 2019, segundo levantamento do Sindicato dos Bancários. Segundo o ministério, no Brasil, os casos de estupro, no período analisado, caíram 12%. Tentativas de homicídio foram reduzidas em 9,4%. Também houve queda no total de latrocínios (-23,8%); lesão corporal seguida de morte (-3,2%); roubos contra instituições financeiras (-40,9%); roubo de carga (-25,7); roubo de veículo (-27%) e furto de veículo (-9,9%).

Jornal Pequeno