A polícia civil do Piauí deu cumprimento, neste domingo (26), em Teresina (PI), a um mandado de prisão preventiva expedido pelo juiz Marcos Aurélio Veloso Silva, respondendo pela Vara Única de Parnarama (a 514 km de São Luís), contra o secretário municipal de Administração do município, advogado Gutemberg Barros Andrade.

O advogado responde a vários processos-crimes perante a Justiça criminal por improbidade, apropriação indébita, falsificação de documentos, fraude processual e patrocínio infiel.

Ele foi levado para Central de Flagrantes, onde, após os procedimentos legais, foi encaminhado ao quartel do comando da Polícia Militar piauiense, em Teresina, devido ter curso superior, onde ficará à disposição da justiça.

A prisão de Gutemberg Andrade respinga na gestão do prefeito de Parnarama, tendo reflexos políticos negativos para a gestão do prefeito Raimundo Silva Rodrigues da Silveira (PROS), devido a proximidade do secretário Gutemberg com o gestor, conhecido como Raimundinho Silveira.

Jornal Pequeno